Lojistas do ramo ótico reclamam de concorrência desleal em Jequié

 

Lojistas do ramo ótico denunciam o comércio desleal praticado por parte de alguns empresários do ramo em Jequié. Vários empresários procuraram este blog para denunciar que em Jequié funcionários de óticas estão abordando pessoas na saída dos consultórios e clínicas oftalmológicas oferecendo vantagens e, transportando-as à loja no próprio carro da empresa. Segundo os empresários, tais pessoas são vítimas, ludibriadas pela ‘’esperteza’’ daqueles que não lhes dão a opção da livre escolha. Geralmente são pessoas idosas que ficam acuadas no meio da rua, sem argumentos, sem condições de oferecer resistência. ‘’Óticas sérias não permitem práticas dessa ordem, a ótica que pratica esse ilícito geralmente embute os custos no preço final do produto”, disse. O Código do Consumidor condena essa prática desleal.

O fato já foi levado a diretoria de Vigilância Sanitária do município, mas, até o momento, nenhuma atitude foi tomada para coibir esta prática desleal.

Por meio de um vídeo, vários flagrantes mostram funcionários de uma  ótica, abordando pacientes na saída do Centro de Saúde Campo do América. Os lojistas se sentem prejudicados por serem obrigados a arcar com altos custos. “O livre comércio deixa o cliente à vontade para fazer pesquisas e escolher aquela de sua confiança, não permite que façamos este tipo de abordagem”. esclareceu o empresário.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *