Jequieenses envolvidos em estelionato de R$ 68 milhões em Poções

Nesta quarta, 17.out.2018, onze pessoas que residem em Jequié, Ipiaú e Poções, foram conduzidas à Delegacia Territorial de Poções pela Polícia Militar. Segundo informações eles tentaram descontar um cheque falsificado do Banco do Brasil, supostamente emitido por um órgão federal e preenchido no valor de R$ 68 milhões de reais.

O gerente da agência suspeitou da autenticidade do cheque e pediu prazo para providenciar o dinheiro, acionou a Polícia Militar, que conduziu o grupo e apresentou na Delegacia Territorial de Poções.

O grupo foi apresentado a delegada de polícia Civil Alessandra Márcia, que ouviu e autuou o grupo por tentativa de estelionato, corrupção ativa e uso de documentos falsos. 

Segundo informações do site Giro de Ipiaú, na manhã dessa quinta-feira, apenas o empresário conhecido como Boy, ainda permanecia na delegacia. O GIRO foi informado por um dos homens detidos (já liberado), que Boy estava na cidade de Poções, acompanhado dos demais moradores de Ipiaú, para receber uma dívida do homem conhecido como Milton, que estava em posse do cheque falsificado e teria tentado fazer o resgate da quantia. “Na verdade Boy foi uma vítima. Ele estava lá apenas pra receber o dinheiro que esse Milton devia a ele. O próprio Milton já assumiu na delegacia a culpa”, informou.

Fonte: 10ª Coorpin.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *